24 Jan 2017

Brexit no Parlamento

O Supremo tribunal Inglês chumbou o recurso do Governo Inglês e decretou que o Brexit terá de ser aprovado pelo Parlamento e não decidido exclusivamente pelo Governo. É uma vitoria da democracia contra este Governo que se recusava a prestar contas ao Parlamento sobre os seus planos para a saída. No fundo seria a Primeira Ministra e os seus colegas do gabinete Brexit que iriam definir o futuro deste Pais a seu “bel prazer”, sem prestar contas a ninguém. 
Este caso movido por uma mulher de negócios Inglesa e um cabeleireiro Espanhol e que venceram, mas que já levou a que ela tenha pedido protecção policial devidos as ameaças físicas que começou a receber. Os juízes foram indiferentes a pressäo vergonhosa a que foram sujeitos por parte de alguns media Britanicos e votaram maioritariamente no chumbo. Uma decisäo que näo altera muito no entanto. Desenganem-se todos os que pensam que isto fará parar o Brexit, isso não irá acontecer, os partidos estão mais entusiasmados que ninguém com a saída da Europa e fazer o Reino Unido “grande de novo” e o projecto irá passar claramente no Parlamento, não tenham duvidas. Nenhum partido à excepção dos liberais, irá votar “contra a vontade do povo”. Os media sensacionalistas ingleses já ameaçam com uma Guerra civil. Não há volta atras, o Brexit é irreversivel, vai mesmo acontecer, para mal de todos. 

No comments: