4 Nov 2016

Memorias dolorosas


Faz hoje 5 anos que o meu pai faleceu. Nessa altura estava ainda longe de imaginar como a minha vida, como eu mudaria a partir desse dia. Sinto que nunca mais fui a mesma pessoa, não tenho a mesma alegria que antes e comecei a ver a vida de um modo diferente. A partir de agora não será mais somar mas sim subtrair, subtrair pessoas queridas, dias, energia, saúde, tempo. Tudo se tornou relativo então.

No comments: